11 de setembro de 2019
Conceito off-road foi apresentado no evento alemão, projetado com estrutura multi-material composta de alumínio, fibra de carbono e aço de alta resistência

Por Marcio Ishikawa |

O Salão de Frankfurt de 2019 marcou a apresentação do Audi AI: TRAIL quattro, um conceito de veículo elétrico fora-de estrada, destinado a expedições exploratórias em áreas sem infra-estrutura. O modelo conta com uma estrutura multi-material, composta de alumínio, fibra de carbono e aço de alta resistência, combinando elevada rigidez da carroceria e leveza.

Audi AI: TRAIL quattro

Apesar de contar com conjunto de baterias de íons de lítio de alta capacidade, seu peso total é de apenas 1.750 kg. O modelo é equipado com quatro motores elétricos, um para cada roda, e sua autonomia varia de 400 a 500 quilômetros em estradas e terrenos terrenos planos. Já em terrenos acidentados, que acaba consumindo mais energia a cada quilômetro de deslocamento, essa autonomia é de 250 quilômetros.

Audi AI: TRAIL quattro

Dado que o seu foco principal é superar terrenos acidentados, sua velocidade máxima é de 130 km/h. A potência máxima do sistema é 320 kW (equivalente a 435 cavalos, aproximadamente) o torque máximo é 1.000 Nm (quase 102 kgfm). Como cada motor do Audi AI: TRAIL quattro aciona uma roda, diferenciais são dispensáveis.

Audi AI: TRAIL quattro

A eletrônica ajuda a economizar energia, gerenciando a tração em cada uma das rodas, evitando que elas girem em falso – nessa situação, o sistema reduz o fornecimento de torque à roda afetada. Mas o sistema entende quando o escorregamento das rodas é útil – como em um trecho de subida, permite que as rodas girem em falso para superar o trecho.

Com comprimento externo de 4,15 metros e largura de 2,15 metros, o Audi AI: TRAIL quattro tem 1,67 metros de altura conta com rodas de 22 polegadas, calçadas com com pneus 33,5 polegadas. A distância da carroceria em relação ao solo é de 34 centímetros e ele é capaz de superar áreas alagadas de até meio metro. Essa arquitetura também permite que ele se desloque em trechos acidentados sem que a unidade de bateria integrada no piso entre em contato com o solo.

O modelo ainda possui características peculiares, como a cabine amplamente envidraçada, com formas poligonais, e faróis de LED localizados abaixo da coluna “A” que, além de iluminar o trecho à frente, também podem se voltar para dentro do veículo. As luzes traseiras operam de forma semelhante. E, ao invés de um farol alto ou de milha, o Audi AI: TRAIL quattro está equipado com cinco drones com elementos LED para iluminar trechos escuros à frente e são capazes de pousar diretamente no teto do veículo, em elementos de carregamento indutivo. Foram batizados de Audi Light Pathfinders.

Leia também:
– Audi usará inteligência artificial na inspeção de chapas
– Audi recebe certificação da ASI
– Audi PB18 e-tron, o conceito de superesportivo elétrico

Audi AI: TRAIL quattro é exibido no Salão de Frankfurt

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *