28 de março de 2018
Nova técnica oferece menor custo, usa menos material e possibilita design com formas mais complexas

Um consórcio europeu liderado pela Stelia Aerospace desenvolveu uma técnica para fazer painéis de fuselagem de aviões reforçada utilizando a impressão 3D. A nova tecnologia tem o potencial de substituir os atuais reforços, que são fixados na estrutura através de parafusos e/ou soldagem, com uma série de vantagens. No projeto colaborativo, ainda participam Constellium, Centrale Nantes e a CT Ingénierie, além do co-financiamento por parte da Diretoria Geral de Aviação Civil da França. 

Stelia Aerospace

A Stelia Aerospace exibiu uma peça de demonstração, com cerca de 1 metro quadrado. Nela, uma impressora 3D é responsável por depositar um fio de alumínio, fundido através de um arco elétrico – técnica WAAM, Wire Arc Additive Manufacturing. A nova técnica é um desdobfamento dos estudos de otimização topológica de fuselagem que a Stelia e a CT Ingénierie vem realizando em conjunto há alguns anos.

A técnica é uma aproximação bem diferente da atualmente existente, em que os reforços são construídos a partir da usinagem de peças sólidas maiores. O objetivo do consórcio é viabilizar a utilização da impressão 3D em escala industrial. Os benefícios vão desde a possibilidade de inovações no design, com integração de funções, a um menor impacto ecológico, já que se utiliza menos material. Alem disso, há ganhos em termos de peso do produto final e também nos custos de produção.

“Com esta peça de demonstração da tecnologia de impressão 3D, esperamos oferecer para nossos clientes a possibilidade de designs inovadores em peças estruturais de grandes dimensões”, disse Cedric Gautier, CEO da Stelia Aerospace. “Juntamente com nossos parceiros, estamos nos preparando para o futuro da aeronáutica, com o objetivo de desenvolver tecnologias inovadoras que tenham um impacto direto em nosso principal negócio, que são as estruturas aeroespaciais.”

Saiba mais sobre a impressão 3D em alumínio

Leia também: a maiorpeça já produzida com impressão 3D em alumínio

Stelia Aerospace usa 3D para reforço de painéis de fuselagem de aviões

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *