25 de abril de 2019
Novo conjunto de padrões será chamado de Purple Sheets; entidade afirma que padronização abre grande potencial de crescimento

Por Marcio Ishikawa |

A indústria do alumínio será a primeira do segmento de materiais a desenvolver um sistema de designação e padronização de produtos para manufatura aditiva.  No último dia 15 de abril, a Aluminum Association (AA)  anunciou que está trabalhando em um novo documento, com um sistema de normalização das ligas de alumínio para impressão 3D.

Normalização das ligas de alumínio para impressão 3D

O novo conjunto de padrões, chamado de purple sheets, será o mais novo capítulo da série batizada de rainbow sheets, documentação que fornece designação e estabelece os limites de composição química para os diversos tipos de liga de alumínio.

De acordo com recentes estudos, os setores com maior potencial para a impressão 3D são as indústrias automotiva, aeroespacial, de transmissão de energia e de produtos de consumo.

“As purple sheets são um verdadeiro marco para a indústria do alumínio. Pela primeira vez, uma indústria de materiais desenvolve um sistema de designação específico para a manufatura aditiva, abrindo um grande potencial de crescimento através da padronização.”
Jerome Fourmann, chairman do comitê técnico de padrões de produto, sobre a normalização das ligas de alumínio para impressão 3D

Heidi Brock, CEO da Aluminum Association lembra das vantagens obtidas por toda a indústria nas últimas décadas com o sistema de padronização. “Por décadas, o sistema de normalização das ligas e têmperas tem ajudado as companhias a ganhar maior aceitação nas aplicações comerciais”, disse a executiva. “As purple sheets são o próximo capítulo desta história, uma vez que já estamos de olho no futuro do alumínio na manufatura aditiva e na impressão 3D.”

De acordo com a AA, normalização das ligas de alumínio para impressão 3D estará disponível para a indústria até o final de 2019. Empresas interessadas em incluir seus produtos na primeira edição estão convidadas a entrar em contato diretamente com a AA – já há, inclusive, um formulário disponível.

Além da apresentação dos novos padrões, a AA também revelou que já realizou o primeiro registro do tipo, concedido para uma liga de alumínio de alta resistência produzido pela HRL Laboratories – sob o número 7A77.50 para o pó de alumínio e número 7A77.60L para a liga de alumínio impressa.

Leia também:
– A impressão 3D e o alumínio
– Conheça a maior peça já produzida com impressão 3D em alumínio
– Impressão 3D com alumínio de alta resistência
– NextGenAM coloca planta piloto em funcionamento

Aluminum Association anuncia normalização das ligas de alumínio para impressão 3D

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *