18 de abril de 2017
Equipamento recém-instalado em Iowa, EUA, oferecerá novas possibilidades de design e performance

A Arconic completou a instalação, em sua fábrica em Davenport, no estado americano de Iowa, de um novo equipamento batizado de “esticadeira de lâminas muito espessas”. Ele permitirá uma melhor performance das lâminas de alumínio e alumínio-lítio em aplicações aeroespaciais e industriais, uma vez que o processo de esticamento reduz o estresse aplicado na placa durante a manufatura (após o processo de tratamento térmico e resfiamento rápido), resultando em uma peça que pode ser usinada e processada mais facilmente pelos clientes.

Esticadeira da Arconic

A nova esticadeira da Arconic permitirá, segundo a empresa, que a indústria aeroespacial construa estruturas de asas mais largas, assim como fuselagens e partições em dimensões e espessura maiores.

Além de uma maior liberdade de design, o novo processo oferece ganhos de produtividade, uma vez que peças maiores podem ser produzidas, eliminando a necessidade de união de partes menores – o que, também, contribui para a redução de peso.

O projeto demandou investimentos de aproximadamente 150 milhões de dólares e a Airbus foi a primeira empresa a fechar contrato para a aquisição do novo material – cujas primeiras entregas estão agendadas para o último trimestre deste ano.

 

Arconic: esticadeira permitirá novas aplicações aeroespaciais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *