12 de dezembro de 2016
Modelo, apresentado no Salão de Milão de 2016, tem visual inspirado na irmã maior Multistrada 1200

A Ducati Multistrada 950 foi um dos principais lançamentos apresentados na Edição 2016 da EICMA (Esposizione internazionale del ciclo, motociclo, accessori, em italiano), mais importante evento da indústria de duas rodas do mundo). Seu visual é inspirado na irmã maior, Multistrada 1200, com o principal objetivo de ser mais acessível, tanto no que diz respeito ao preço, como em sua maneabilidade – o modelo é um crossover, que pode enfrentar tanto o asfalto em longas viagens como trilhas leves.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Uma de suas características mais elogiadas é a leveza, obtida principalmente pelo uso intensivo de alumínio. O quadro é de alumínio extrudado, ao centro do qual está o motor Testatretta de dois cilindros em “L”, com 937 cm3, 113 cavalos de potência e torque de 9,81 mkgf – que já atende as exigências de emissões da Norma Euro 4. A transmissão tem seis marchas.

O alumínio também está presente nos braços oscilantes e rodas de alumínio fundido – com opções de 17 e 19 polegadas. A Ducati afirma que buscou um equilíbrio entre uma moto com tamanho compacto, com assento posicionado próximo ao solo (840 mm) e que proporciona uma pilotagem segura e versátil, com o visual imponente característico da linha Multistrada. Ainda não há previsão da comercialização da Ducati Multistrada 950 no mercado brasileiro.

Ducati Multistrada 950: alumínio em prol da leveza
Um comentário sobre a matéria:
  • 10/05/2018 às 16:03

    Ola. Obrigado.Excelente artigo.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *